Casamento do Matuto é declarado Patrimônio Imaterial de Sergipe

A festa Casamento do Matuto, realizada anualmente no mês de junho no Povoado Colônia Treze, no município de Lagarto, foi declarada como Patrimônio Imaterial e Cultural de Sergipe.

A declaração foi realizada por meio de decreto publicado pelo Governador Belivaldo Chagas no Diário Oficial do Estado nesta terça-feira, 12. Com isso, a celebração foi inserida no Calendário Oficial de Eventos do Estado de Sergipe.

O Projeto de Lei  n° 318/2020, que declara a festa como patrimônio imaterial foi apresentado pela deputada Goretti Reis (PSD) no mês de dezembro. O Casamento do Matuto foi criada no ano de 1995 e está em sua 24° edição.

Fonte: Portal Infonet

Compartilhar Publicação